quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Briga de casal - uma análise sobre o assunto!

Posted by O amor está na rede On 16:12

Olá, amigos!

Hoje vou falar sobre brigas, assunto recorrente em quase todos os relacionamentos, sejam eles amorosos ou não. Mas vou me referir somente aos amorosos, já que sempre estou espalhando o amor pela rede. :-)

Por que as pessoas brigam? E, mais importante, por que os casais brigam? A briga de casal ocorre por vários motivos e nem mesmo Freud conseguiria listar todos eles.

Muitas vezes, as brigas podem até mesmo ajudar a melhorar o relacionamento. Porque pontos de vistas são expostos e pode-se chegar a uma conclusão que trará melhoras às duas partes. Mas, antes de brigar, não seria melhor conversar e tentar, amigavelmente, colocar as coisas nos seus devidos lugares?

Às vezes, quando me perguntam sobre brigas em relacionamentos amorosos, eu digo que elas parecem jogos eletrônicos, onde as duas pessoas têm algumas vidas, que vão sendo perdidas com os desgastes gerados em cada discussão - isso quando a briga de casal não termina em violência física - que horror!

A coisa funciona desta forma: a cada rodada de brigas, uma vida é perdida, já que uma grande ferida é aberta. E isso só vai desgastando o relacionamento. Até o ponto em que todas as vidas (pelo menos de uma das pessoas) se acabam e a relação morre - e é assim mesmo que a pessoa se sente: sem vontade nenhuma de continuar a viver aquela relação. E aí o relacionamento só pode ter um final: o "não feliz"!

A parte boa é saber que também temos as rodadas de vidas-bônus, em que fazemos algo especial pelo outro, ou apenas nos comportamos decentemente bem e, ao invés de brigar, conversamos de modo civilizado, o que gera um resultado extremamente positivo para a relação. Nestes casos, podemos ganhar uma vida, recuperando uma que já foi perdida e voltamos ao equilíbrio. Se fizermos isso várias vezes, então... Estaremos até com vidas-reserva, as quais eu recomendo não ficar gastando por aí - afinal, nada melhor do que viver em paz com quem a gente ama!

Uma outra coisa que percebo é que as pessoas misturam a real causa da briga com outros motivos que estão "entalados" na garganta há muito tempo. Lembre-se de que o mais importante é que, se não der para escapar da briga, que ela seja referente apenas a um problema específico. O que a maioria das pessoas tende a fazer é, na hora da raiva, despejar tudo (e tudo mesmo!) em cima do outro. Já que o sangue está quente, as pessoas se esquecem o motivo principal da briga e começam a trazer todos os outros motivos que não cabem nesta discussão. E aí, a briga do casal, que deveria ser sobre algo sério, vira um "joga-na-cara-do-outro" sem fim. E vêm lembranças de quando o seu pai falou algo que ele não gostou, a mãe dele olhou com cara feia para a sua roupa, ele olhou para aquela mulherzinha ordinária na rua, ela "deu mole" para o amigo dele e por aí vai. A coisa fica realmente feia e não passa de um grande desgaste desnecessário.

O engraçado é que o ser humano tende a querer a briga. Quando um não quer, dois não fazem. Certo? Claro que sim! Mas quem consegue resistir às provocações alheias por muito tempo? Quando alguém quer brigar, geralmente, não sossega enquanto o outro não responde. Comportamento equivocado! O ideal é que cada um respire fundo (literalmente) e vá fazer uma coisa diferente - assistir à televisão, ler (para quem conseguir se concentrar), cozinhar, caminhar, correr, ligar para alguém... Até que a raiva momentânea tenha passado e não haja mais razão para existir uma briga, mas uma conversa séria entre duas pessoas maduras.

Se a pessoa der esse tempo, conseguirá expor suas ideias de modo mais claro e menos agressivo. Na hora da raiva, a voz se altera e as pessoas acham que ganha a briga quem gritar mais alto! E também acabam dizendo coisas que não diriam em seu estado normal.

Quando os ânimos se acalmam, as pessoas ficam com medo de perder o outro. Acho que este é o principal motivo por que dizem que a melhor parte da briga de casal é fazer as pazes. Talvez porque as pessoas sintam que voltaram à zona (imaginária) de segurança. E podem voltar a se aninhar nos braços da pessoa amada.
No entanto, honestamente, precisamos passar por tudo isso para ficarmos bem com o outro? Se cada um conseguir controlar seus impulsos por alguns minutos, o relacionamento tende a ficar muito melhor. E isto vale para tudo: relacionamentos com os pais, irmãos, amigos, professores, namorados, cônjuges, chefes...

Relacionamentos são feitos para compartilhar, não para disputar! Assim, não faz sentido ter um vencedor - quem vencer o jogo, jogou todas as vidas do outro fora. E o relacionamento... já era! Pense nisso!

Dicas de Erica Queiroz; O amor está na rede!!!

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Perfil de quem se cadastra em sites de relacionamentos para casados - quem trai mais, o homem ou a mulher?

Posted by O amor está na rede On 16:29

Oi!

Já fiz alguns posts aqui sobre sites de relacionamentos para pessoas casadas e, na última sexta-feira, o jornal da Globo apresentou um perfil mais detalhado de quem tem se cadastrado nesse tipo de site aqui no Brasil.

Para quem não acredita, é verdade: os sites especializados em facilitar a traição conjugal estão fazendo um bom negócio no Brasil! Três empresas internacionais começaram a operar no país e, em menos de dois meses, as três juntas já conquistaram 370 mil brasileiros dispostos a trair!

O lançamento dessas empresas superou todas as expectativas e os números dos outros países. Parece que os brasileiros traem mais que os outros...

Mas afinal, quem trai mais, o homem ou a mulher? Várias pesquisas mostram que a diferença entre homens e mulheres que traem não é muito grande. Mas os sites de relacionamentos para pessoas casadas mostram algo diferente. Por enquanto, a maioria dos cadastrados é do sexo masculino (68%), contra 32% do sexo feminino.

E qual é o perfil de quem trai? Os homens têm em média 42 anos, 2 ou 3 filhos e traem para sair da rotina. Já as mulheres têm em média 33 anos, pelo menos um filho, estão casadas há 7 anos ou mais e traem... por vingança!

Assista mais aqui, na matéria feita pela Globo: g1.globo.com/videos/jornal-da-globo/t/edicoes/v/sites-internacionais-ajudam-brasileiros-dispostos-a-trair-o-parceiro/1610705/

E você, se cadastraria num site deste tipo? Por quê?

Beijos de Erica Queiroz; O amor está na rede!!!

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Site para traição - minha opinião!

Posted by O amor está na rede On 00:19

Queridos leitores,
Hoje em dia, há uma nova modalidade de sites de relacionamentos que está muito em voga: os sites de relacionamentos para pessoas casadas, ou seja, sites para as pessoas "pularem a cerca", para conseguirem amantes.
O Brasil já possuía alguns sites para traição e, recentemente, três sites internacionais iniciaram suas operações no país.
Muita gente fica boquiaberta quando ouve falar em um site para traição. As pessoas acham que eles são um atentado ao pudor, que induzem os indivíduos à traição etc.
Deixemos a hipocrisia de lado! A traição sempre existiu e sempre existirá! É inerente ao ser humano, não adianta lutar contra isso. E não é um site de relacionamentos que vai levar uma pessoa à traição ou não. As novelas e filmes estão aí divulgando a traição há anos. Alguém reclama disso? Se assusta com isso? E sai traindo compulsivamente só porque viu isso na novela? Definitivamente... não!
Pense bem... Se uma pessoa for contra a traição, ela pode ver todas as propagandas do mundo que induzam à traição, pode ser convidada a entrar em todos os sites de relacionamentos com essa finalidade, que ela não cairá nessa. Porque, simplesmente, isso não condiz com os seus princípios.
No entanto, as pessoas que entram num site para traição são aquelas que já têm propensão a trair: as que traem, já traíram ou gostariam de vir a trair.
Portanto, eu acho que este tipo de site pode introduzir no mundo online algo extremamente bom: separar quem está a fim de pular a cerca de quem quer um compromisso sério de verdade. Afinal, há inúmeras pessoas nos sites de relacionamentos comuns que se dizem solteiras e são casadíssimas. Deste modo, se estas pessoas resolverem sair dos sites comuns e entrar apenas nos destinados às pessoas casadas, muita gente solteira, a fim de um relacionamento sério, poderá ter mais tranquilidade ao procurar alguém que esteja na mesma situação.
E você, o que acha?

Beijos de Erica Queiroz; O amor está na rede!!!

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Como conquistar um homem!!! (12 DICAS)

Posted by O amor está na rede On 16:25

Olá!

Como conquistar um homem?... É uma das perguntas que mais recebo por e-mail.

Hoje vou dar algumas dicas para que você conquiste aquele gato que já está paquerando ou para que atraia um novo gato.

Mas você deve estar se perguntando: existe uma fórmula mágica que ensine como conquistar um homem? E a resposta é: NÃO! Mas existem modos de estar preparada para quando este homem especial aparecer e de como se comportar para não estragar tudo. Afinal, se não houver química (e, para isto, não há ainda uma fórmula), nada fará o relacionamento deslanchar.

Então lembre-se destas dicas de "como conquistar um homem", para quando encontrar aquele alguém especial:

1. Esteja sempre bem cuidada. A primeira impressão não é tudo, mas ajuda muito! Unhas, cabelo, maquiagem leve, um comportamento adequado, roupas limpas e bem passadas, no seu estilo (não adianta ser clássica e tentar se fazer de moderninha), são fatores-chave para se sair bem no primeiro encontro. Cuidado com roupas extravagantes - se o homem quiser uma "periguete" ou uma "peguete"... é só estalar os dedos.

2. Não seja fácil. Estou falando de disponibilidade. Se o cara ligar, você sempre atender e sempre aceitar os convites dele, você vai se tornar desinteressante rapidinho. Dificulte um pouco as coisas - tudo o que é mais difícil, é mais desafiador e, portanto, mais interessante.

3. Não seja fácil. Estou falando de sexo. Muitas pessoas gostam de dizer que os homens não se importam se a mulher for para a cama com eles no primeiro encontro. Quer saber? Já entrevistei centenas de pessoas e nem 10% das pessoas casadas dormiram com o parceiro no primeiro encontro. Na teoria, é tudo muito lindo. Na prática, a maioria dos homens quer se casar com mulheres que não vão para a cama no primeiro encontro. Afinal, se foram com ele, é bem provável que tenham ido com outros. Talvez, com vários outros. Homem brasileiro não quer saber disso. Faça o teste, se ainda não fez - mas saiba que pode perder o partidão, caso esteja muito interessada. Pergunte para as suas amigas. Pergunte para amigos homens de confiança - aqueles que vão dizer a verdade nua e crua, não os que querem parecer legais. Agora, se a mulher for extremamente segura e demonstrar essa segurança, pode ser que o homem se case com ela - mas, com certeza, não vai contar para os amigos que dormiu com ela no primeiro encontro... Então, não custa nada esperar um pouquinho para ter mais garantias, não é mesmo?
Como conquistar um homem
4. Viva a sua vida! Não desmarque programas, cursos, saída com amigas etc. só porque ele ligou. Se você mostrar que tem vida própria e que sobrevive sem ele, ele vai ficar mais tranquilo e mais interessado. Homens têm instinto caçador: eles gostam do que é mais difícil (e não adianta vir dizer que isso não é verdade...). Você não vai conquistar um homem se estiver sempre à sombra dele!

5. Mostre que você se interessa por ele - mas não que está aos pés dele para o que der e vier. O que quero dizer com isso? Que você tem que mostrar que prestou atenção ao que ele disse, que lembra de coisas de que ele gosta, de coisas que ele lhe contou... Pessoas gostam de se sentir importantes para outras!
Como conquistar um homem
6. Insegurança é um antiafrodisíaco! Deixe a insegurança em casa: de preferência, trancada num lugar bem escuro, para que ninguém possa vê-la e nem você possa se lembrar dela. Mostre domínio sobre si mesma. Sobre os seus gostos, sobre o que quer... Muita gente acha que mostrar um pouco de insegurança é charme. Discordo. E se o homem quiser uma mulher insegura, concorda que ele não te merece?

7. Bom-humor sempre! Precisa explicar? "Ah, que saco, você quer mesmo que eu explique tudinho? Que chatice! Que calor! Que frio, agora! Dá para sentarmos em outra mesa por que o ar-condicionado está desmanchando o meu cabelo? Se eu comer mais um pedaço de pizza, vou engordar". :-( (lembre-se de que "a fila anda" e pode haver uma mulher mais bem-humorada na segunda posição).

8. Não faça cobranças - este é um dos itens mais importantes. "Por que você não me ligou ontem?", ou "por que não me convidou para ir com você...?", ou, pior, ligar 10 vezes seguidas (acreditem: muita gente faz isso!) para a pessoa, pelo simples fato de que ela não atendeu ao telefone na primeira vez? Bem, nem na segunda, na terceira... Dica: talvez não atenda nunca mais! Ou atenda só para dar o recado que você ainda não conseguiu entender: "não quero mais falar com você!!!".

9. Não invada a vida da pessoa, se achando a rainha do pedaço. Chegue aos poucos, conquiste seu espaço natural e constantemente.

10. Seja você! Nenhum homem quer achar que vai sair com a top de alguma área (tipo: a gerente de uma grande empresa) e descobrir que saiu com a estagiária.

11. Seja misteriosa - revele seus segredos aos poucos; não conte todos de uma só vez. Como conquistar um homem se ele souber tudo sobre você logo de cara? Ele vai adorar descobrir um pouco mais de você em cada encontro.

12. Preste atenção aos sinais. Se você perceber que o cara não está correspondendo, não force a barra. Dê espaço. Se ele não te procurar... é porque não está a fim!

Bem, estas são as minhas dicas básicas de "Como conquistar um homem".
Como conquistar um homem
E caso precise de dicas sobre como enlouquecer um homem (depois de havê-lo conquistado, claro!), seguem algumas valiosíssimas aqui: http://www.oamorestanarede.com.br/2011/09/como-enlouquecer-um-homem.html Como conquistar um homem
Boa sorte! E, se precisar de ajuda para conquistar um homem, fale comigo: oamorestanarede@yahoo.com.br

Dicas de Erica Queiroz; O amor está na rede!!! Como conquistar um homem

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Número de divórcios em São Paulo quase triplica no 1o semestre/2011

Posted by O amor está na rede On 15:24


Amigos,

No estado de São Paulo, no primeiro semestre de 2011, foram registrados mais de 6.700 divórcios, número quase 3 vezes maior que o registrado em igual período do ano de 2010.

Isto se deve à Emenda Consitucional 66, publicada em Julho de 2010, que acabou com os prazos necessários para a realização do divórcio. Antes dela, o casamento civil só poderia ser dissolvido pelo divórcio após separação judicial por mais de um ano, ou por meio de comprovada separação de fato por mais de 2 anos.

Após a Emenda, os casais podem optar pelo divórcio em cartório se obedecerem às seguintes condições: a não existência de filhos menores ou incapazes e o consenso ente o casal. E quem já iniciou o processo pelos meios antigos, pode cancelá-lo e optar pelo mais simples, que pode ser resolvido, dependendo do caso, até no mesmo dia em um cartório!

E, para aqueles que estão desanimados achando que não há mais ninguém disponível por aí... Fiquem de olho! Tem gente voltando "ao mercado"!!!

Fonte: Yahoo / Estadão

Dica de Erica Queiroz; O amor está na rede!!

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Feliz Dia dos Solteiros!!! (15 de Agosto)

Posted by O amor está na rede On 10:56

Olá, amigos!

Já que os casais apaixonados vivem comemorando o Dia dos Namorados, nada mais justo que também haja o Dia dos Solteiros para quem está por aí, curtindo a vida sem namorar.

E o Dia dos Solteiros é hoje, 15 de Agosto!

Para quem acha que só existe a felicidade para aqueles que encontram um par, saiba que isso não é verdade! Tem muita gente que mantém relacionamentos ruins, apenas para não ficar só.

Então veja algumas das vantagens de estar solteiro:

- liberdade para fazer o que quiser, quando quiser e com quem quiser,
- dispensa de programas familiares chatos (tipo: aniversário da tia-avó do namorado ou marido, que está completando 95 anos!),
- dormir atravessado na cama,
- roncar à vontade ou não ser incomodado pelo ronco alheio,
- não ter que dar satisfação do que faz a ninguém,
- curtir muito os amigos (sem as implicâncias do parceiro com alguns amigos seus),
- assistir ao filme que quiser no cinema ou DVD,
- comer o que quiser,
- gastar quanto quiser...

Viu quantas coisas boas? E há muitas outras mais!

Enfim, como tudo na vida, tanto estar solteiro, quanto estar comprometido, tem seus lados bons e ruins. Então, mesmo que você não esteja solteiro por opção, concentre-se nas coisas boas da situação, curta a sua solteirice e aproveite muito a vida!

Feliz Dia dos Solteiros!!!

Beijos de Erica Queiroz; O amor está na rede!!!


sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Pedido de casamento inusitado

Posted by O amor está na rede On 22:57

Queridos amigos,

Inovações acontecem a todo momento, mas, às vezes, algumas delas são extremamente inusitadas.

Um exemplo disso foi o que fez um chinês, Pang Kun, que se vestiu de cenoura para pedir em casamento a sua namorada. Não bastasse isso, ele não foi sozinho à "festa à fantasia": levou 49 amigos para ajudá-lo na tarefa.

Tudo aconteceu em um shopping de Qingdao, na China. Pang fingiu que ia ao banheiro e, logo em seguida, várias cenouras gigantes apareceram dançando na frente de sua namorada.

Na sequência, uma mensagem foi divulgada nos microfones:

"Seis meses atrás, eu conheci você. Eu ainda me lembro da sua timidez no nosso primeiro encontro, da minha ansiedade pelo encontro seguinte e da excitação da primeira vez em que segurei suas mãos em um cinema".
A futura coelhinha, oops, noivinha, ao reconhecer a voz de seu amado, tentou ligar para o seu celular. Para sua surpresa, uma das cenouras se aproximou dela, tirou a fantasia e se ajoelhou para fazer o tradicional pedido de casamento. Nisso a multidão gritava "casa, casa!" e, para alegria geral da nação... a moça disse SIM!

Por que o laranja? - você deve estar se perguntando. Porque era a cor favorita da futura noiva!

Quanto custou a brincadeira? Cerca de 25 mil reais.

Ah, como o amor é lindo!

Fonte: Extra.globo.com

Beijos de Erica Queiroz; O amor está na rede!!!

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Onde está a felicidade? No creo en brujas, pero que las hay, las hay...

Posted by O amor está na rede On 18:47

Queridos amigos,

Afinal, onde está a felicidade? - é o que a maior parte da humanidade costuma questionar.

Quando estive em Santiago de Compostela, na Espanha, comprei uma "bruja de la felicidad"(bruxa da felicidade), não só porque achei a carinha dela simpática, mas porque trazia pendurada uma linda mensagem.

Vendo-a hoje em casa, me inspirei a fazer esta postagem.

A mensagem diz o seguinte:

"Lo esencial para ser feliz es mantener siempre colmado el corazón. Muchos buscan la felicidad como otros buscan su sombrero; lo llevan puesto y no se dan cuenta. La dicha de la vida consiste en tener siempre algo que hacer, alguien a quien amar y alguna cosa que esperar."

Traduzindo (tradução livre): O essencial para ser feliz é manter o coração sempre preenchido. Muitos buscam a felicidade como outros buscam seu chapéu; está em suas cabeças, mas não conseguem perceber. A alegria/sorte da vida consiste em sempre ter algo para fazer, alguém a quem amar e alguma coisa a esperar".

E isso não é mesmo deixar o coração pleno?

Escrevi este post para que paremos um momento para refletir: às vezes, aquilo que buscamos, está mesmo na nossa frente (ou na cabeça, como o chapéu), mas não conseguimos ver. E não é ótimo saber que só há uma pessoa a nos ajudar nesta tarefa e esta pessoa somos nós mesmos, ou seja, não dependemos de mais ninguém, apenas de nossa própria vontade?

Pense nisso!

Como dizem por aí, "no creo en brujas, pero que las hay, las hay..." (não acredito em bruxas, mas que elas existem, existem...").

Beijos de Erica Queiroz; O amor está na rede!!!


domingo, 7 de agosto de 2011

Dicas para não ficar sem assunto no primeiro encontro!

Posted by O amor está na rede On 12:58

Queridos,

Segue mais um texto que escrevi para o blog do site de relacionamentos Be2.

Marcou o primeiro encontro? E aquele medo que bate de ficar sem assunto? Veja aqui dicas imperdíveis para não fazer feio e tentar garantir o segundo encontro.


O primeiro encontro sempre dá aquele friozinho na barriga, não é mesmo? Para diminuir a sensação de insegurança, preparei algumas dicas para você não fazer feio e estar apto a puxar papo caso falte assunto.
- prestar sempre muita atenção a tudo que seu interlocutor falar a você: seja pela internet ou por telefone. Assim, você pode anotar algumas coisas que pareçam importantes e dar uma olhada nestas anotações antes de partir para o encontro cara a cara.
- gravar sempre as conversas travadas pelas internet: assim, você saberá cada detalhe do que a pessoa disse gostar ou não. Releia as gravações antes de ir para o encontro.
- verificar e, de preferência, anotar todos os pontos em comum que vocês possam ter: gosto por livros, cinema, viagens, restaurantes… Isso vai ajudá-los a ter mais assunto e descobrir mais afinidades.

Continue a ler aqui: http://migre.me/5rw3S

Com certeza, você não ficará um minuto sequer sem assunto!

Beijos de Erica Queiroz; O amor está na rede!!!

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Uma linda história de amor iniciada pelo Facebook: Pretta e Fabio

Posted by O amor está na rede On 16:25

Oi, amigos!

Hoje venho aqui contar uma linda história de amor: a de Pretta e Fabio, casal que se conheceu através do Facebook.

Vejam o depoimento dela e, na sequência, uma mensagem que Fábio lhe escreveu:

Tudo começou em Dezembro, quando terminei meu relacionamento de quase 4 anos. Passei o Natal com meus pais e o Ano novo eu passei trabalhando - como sou babá, viajamos para Teresópolis. Lá tinha mais uma babá comigo, ela é babá do primo das meninas que eu cuido. Ela vivia fuçando o Facebook e eu tinha uma conta, mas não sabia mexer direito, foi aí que ela resolveu me explicar e pronto, o estrago foi completo... Fiquei viciada, rsss...
Quando voltamos da viagem eu não saia mais da rede. Pra ser sincera não me recordo como adicionei o Fabio T. T., só me recordo que ele apareceu na página de pessoas próximas de onde moro, não tínhamos amigos em comum, mas gostei do que vi e resolvi adicioná-lo e ele aceitou, mas nunca conversamos no bate-papo da rede.
Um belo dia ele postou uma foto da sobrinha dele que havia acabado de nascer e eu fiz um comentário, depois disso eu falei com ele no bate-papo do Facebook, mas pelo que percebi ele não estava muito a fim de papo...disse que não fica on line no bate-papo e que já estava de saída, aí eu respondi, ok tudo bem!
Só que depois disso ele entrou algumas vezes no bate-papo mas nunca falou comigo então eu também não falei.
Isso tudo aconteceu mais ou menos nos meses de Fevereiro e Março. Mais aí... Quando foi no feriado da Páscoa ele me mandou mensagem de Feliz Páscoa e me enviou um coração daqueles Give Hearts. Agradeci, mas continuei na minha.
Um belo dia, numa quinta-feira eu consultei aquele aplicativo, O que devo fazer hoje? Disse que eu devia...ir ao cinema, então eu publiquei e escrevi a seguinte frase: Ôpa...é uma boa, mas sozinha?
Foi quando, para minha surpresa ele comentou: é um convite? Rsss...
Eu respondi: hum....pode ser só depende da gente!
Fomos ao cinema foi delicioso, ele é extremamente atencioso!

PS.: há alguns dias, eu pedi que ele escrevesse algo sobre o que aconteceu e olha o que ele escreveu:

Você me pediu pra escrever alguma coisa sobre nós... bom, acho que eu nunca tive tanta dificuldade para dissertar sobre algum assunto, falar
sobre assuntos que não envolvem sentimentos pessoais, ou que envolva sentimentos porém quando você não se importando o as reações do que issopossa acarretar é realmente mais fácil.
O que eu posso te dizer hoje, é que você é muito especial para mim. Você é diferente de todas as pessoas que eu já conheci. É atenciosa, carinhosa,preocupada enfim, especial!
Para mim a causa que levou ao primeiro encontro foge de razões “místicas” (se é que essas justificativas podem serem chamadas de razão). Talvez poracreditar que tudo tem seu motivo e sua causa de ser, não acredito em destino, apenas na “magia” que acontece todo dia ao nosso redor e que a
correria do dia-a-dia muitas vezes não nos deixa nem perceber que ela está ali. Acho que mesmo você tendo me adicionado na rede “propositalmente”rss, e eu ter respondido ao seu post não garantiria que nós fossemos ficar juntos, acho até que poderia ser um motivo para afastamento por uma má interpretação, como eu mesmo já te disse. Acredito que o que nos levou a nos encontrar e depois decidir por ficar juntos foi o “feeling” que nóstivemos, a sensibilidade de perceber e a coragem de deixar acontecer.
O que posso dizer de verdade pra você é que nesse tempo todo em que fiquei sozinho (e em outras ocasiões também) estava acostumado a me apaixonar erezar para dar certo com essa ou aquela pessoa. Algumas vezes fui atendido, outras não. Mas nas vezes que fui, as únicas coisas que ficaram
de bom foram as experiências para não errar de novo. Então, nas últimas vezes que me lembro de ter rezado para encontrar alguém, não imagineininguém, apenas que fosse uma pessoa que acreditasse no mesmo que eu, que gerasse uma relação harmoniosa e agradável e que houvesse carinho,
compreensão e respeito entre os dois. E você apareceu! Estou muito feliz com isso, e acho que é bobeira tentarmos procurar motivos para essascoisas e deixar a magia acontecer!
Te adoro muito
beijossssss


Espero que tenham gostado de mais uma linda história de amor contada aqui no blog. E quem irá dizer que o amor não está na rede???

Beijos de Erica Queiroz; O amor está na rede!!!