domingo, 17 de abril de 2011

Você acredita em amor à primeira vista?

Posted by O amor está na rede On 13:06 26 comments

Sempre ouvimos falar (e muitas vezes almejamos) no famoso amor à primeira vista. E me perguntam: "você acredita em amor à primeira vista?".

Para mim, amor à primeira vista não existe! " Oh... Que falta de romantismo!" você deve estar pensando. Não, não é nada disso. Eu apenas acredito que exista paixão à primeira vista.


O amor, para mim, é algo muito mais complexo do que o friozinho na barriga que sentimos num primeiro olhar, na primeira troca de palavras e no primeiro beijo com alguém que mal conhecemos. Isso é paixão, pura paixão! O rubor no rosto, as mãos trêmulas, o pensamento que não para, o coração acelerado, parecendo não caber no espaço que lhe é destinado... Isso não é paixão?

Na minha opinião, o amor é algo que vem com o tempo, a convivência, o querer bem, o apoio mútuo, como naquela frase que sabemos de cor: "na alegria e na tristeza, na saúde e na doença...". A paixão não resiste a tudo isso.

A paixão é algo ilusório. Você faz várias projeções no outro, não o enxerga de verdade, como ele é. Mas, sim, como gostaria que fosse, como acha que ele é, sem checar ou saber se ele é realmente assim. É uma idealização da outra pessoa, que pode durar algum tempo ou acabar rapidamente. Você nunca se apaixonou perdidamente por uma pessoa e depois de apenas alguns dias descobriu algo de que não gostou muito (pois a viu como realmente é) e se "desapaixonou" rapidamente?

Sim, a paixão é algo que acaba. E o amor é o que fica (ou não) - se não houver mais amor, o relacionamento também acaba, junto com a paixão.

Agora, se a sua paixão à primeira vista virar amor, aí, sim, as pessoas irão dizer que foi amor à primeira vista. Mas, para mim, não foi. Foi apenas uma coincidência; a sorte de ter uma paixão que evoluiu e virou amor...

Beijs de Erica Queiroz; O amor está na rede!!!

26 comentários:

Querida amiga!

Acho que esse assunto é "polêmico"... há controvérsias.

mas independentemente de qualquer opinião creio que em ambos, paixão e amor, temos de saber a medida de nossa responsabilidade... bem explico, eu acho que independentemente de o sentimento que temos ser definitivo, ou não, temos de saber que estamos aqui para viver e aprender com todos esses sentimentos, sem esperar da vida que ela seja um "mar de rosas".

Temos de viver cada sentimento como se fosse o último instante, com respeito a nós e ao outro, na verdade de que é bom sentir "borboletas na barriga", se envolver é bom demais, mas a responsabilidade de ser feliz e viver é só nossa, o outro não é responsável, por isso.

E com isso, tenho a convicção de que chegando a pessoa certa, independentemente de ter se iniciado com a paixão ou com o amor, a vida com esse ser será mais leve e cheia de bons sentimentos.

Bjokas
Gisele

OI minha flor Érica... também não acredito em amor a primeira vista, aliás nem em paixão.... A primeira vista acredito que o que se desencadeia é atração, pura atração....
Depois que acredito venha a paixão.... esta projeção a que você se refere, e que as vezes dura muuuuiiiittttoooo tempo, dependendo das pessoas que a vivem.....
E só depois, passado pela atração que vira paixão, resistir a todas as decepções de ver que o outro não é bem aquilo que víamos, mas que apesar disto ainda vale a pena estar junto, lutando junto..... aí sim se chega no amor, aquele que enxerga o outro e a si como parceiros de uma vida.....
Como sempre brilhante.
Beijo no coração

Eu tô com você, Érica.

A 1a.vista mesmo é aquela paixão insandecida. Um desejo maior do que nós mesmos.

Claro, isso pode evoluir para um amor fantástico, digno de sonhos apaixonados. Mas... não necessariamente.

Abraços

Eu também acredito em amor à primeira vista. Alguém se habilita?

Estimada amiga Erica boa noite,

O amor pode vir com o tempo, podemos chamar de paixão a primeira vista, isso para mim pouco importa o que me deixa extremamente feliz foi que encontrei a pessoa que para mim é a correta e sou extremamente feliz, com ela e a amei, amo e amarei desde o primeiro instante que a conheci e esta estória você já nos deu o prazer de descrever aqui no seu maravilhoso Blog.

Enfim, amar a primeira vista ou a prazo rs.... isso pouco importa o que importa mesmo no meu ponto de vista, é sermos felizes.

Bjs fique com Deus

Eduardo

Olha eu acredito sim. Nem sempre é, mas as vezes...

Abraços!

@Gisele

Oi, Gi!!!

Que linda essa reflexão que você fez! Verdade pura... Apesar de uns acharem que já é amor e outros (inclusive eu) acharem que é paixão à primeira vista, o que importa é aproveitar o que cada um tem de bom e saber que, no final, como num post que eu já escrevi, a felicidade está dentro de cada um de nós e não no outro!

Beijo enorme,

Erica

@Valéria

Oi, Val!

Eu gostei muito dessa sua 3a etapa do processo.

Acho que faz sentido mesmo - vir a atração, depois a paixão e, finalmente, o amor. Mas já é tão difícil convencer as pessoas de que amor à primeira vista não existe, rssss, imagina ainda convencer de que talvez nem mesmo a paixão à primeira vista, hehe?

Realmente gostei dessa sua forma de pensar.

Beijos e obrigada pelo carinho de sempre,

Erica

@José

Oi, José!

Que bom que você está comigo, rsss, porque muita gente ainda acha que existe amor à primeira vista, sim (veja nos outros comentários).

É ótimo quando a paixão evolui para o amor, mas o sentimento de paixão é o que mais enlouquece os seres humanos (quem não acha uma delícia estar apaixonado que atire a primeria pedra, rsss). E é por isso que muita gente pula de relação em relação: não consegue ver o que o amor traz de bom e só quer viver o lado fogoso da paixão!

Abraços,

Erica

@Dorival

Olá!

Olha, apesar de eu só acreditar em paixão à primeira vista, vou repetir o que escrevi no último comentário para você: faça um teste, cadastrando-se num site de relacionamentos. Quem sabe sua alma gêmea não esteja por lá?

Abraços,

Erica

@Eduardo

Oi, Eduardo!

Verdade que o nome pouco importa, mas quis escrever esse post porque muita gente sofre demais por uma ilusão que acha que é amor (e é só aparecer outra paixão que a anterior rapidamente some - com o amor não é assim; ele não é facilmente substituído!).

Fico feliz que você tenha encontrado o seu grande amor - e você sabe que sou fã da história de vocês, né? :)

Beijos,

Erica

@SeuLuiz

Oi, Luiz.

Mas será que não seria uma grande paixão que depois se transformou em amor?

Abraços,

Erica

Olá minha querida amiga!
Concordo contigo que a paixão é a idealização daquilo que se quer. Penso que as pessoas ficam buscando nas outras o sonho do par perfeito, aliás, da própria perfeição, quando essa não existe! Podemos olhar para um pessoa e ter alguns sentidos despertados e isso nos levar a conhecê-la melhor, numa evolução que poderá (ou não) resultar em amor... Agora, dizer que "olhei, gostei, me apaixonei e já estou amando"...rsrs... isso é realmente para contos de fadas!
Grande beijo,
Jackie

Olá queridíssima amiga !!!

Olha eu achava que existia, mas quando li seu raciocínio, acabei concordando ! realmente aquela sensação inicial, apesar de muito forte, ainda não tem embasamento suficiente para ser Amor. É somente com o tempo e com a convivência que o sentimento se fortalece e então podemos ter a certeza de que é duradouro, intenso e verdadeiro.
Gostei muito das suas colocações, como sempre !
Um super beijooooo e boa semana !!!

Oi minha doce amiga!!!

Na minha humilde opinião, o que vem logo de cara é atração, empolgação, busca desenfreada em encontrar alguém especial... quando isso ocorre por ambas as partes aí então essa mistura de sentimentos e acreditamos que seja amor.

Para mim, o amor é algo mais maduro que leva um certo tempo (claro que esse tempo é super variável dependendo de cada relação), mas que deve ser cultivado dia a dia... a paixão é aquele sentimento inconsequente que não espera e busca tudo o que deseja...

Devemos ter cuidado para não confundir o amor mais maduro com uma relação acomodada... claro que para cultivarmos esse amor, devemos sempre utilizar de um pouco da "insensatez" da paixão...

O que importa de verdade minha amiga, é amar, estar apaixonado, e fazer bem ao próximo e a nós mesmos.

Beijos!!!!
Lu

Eu acredito siim em amor a primeira vista siim.
pois foi assim que conheci meu namorado
e estamos juntos a quase 2 anos .

Acho que mesmo sendo dificil de isso acontecer, não podemos generalizar, pois nenhuma pessoa é igual a outra !, pode acontecer com alguns e com outros não, acho que isso é muito dificil de definir.

T.Bittar

Erica, como gosto do que escreve realmente amor mesmo a primeira vista não existe, vem aquela química de querer ficar perto, mas só o tempo para dizes se vai virar amor. Lindo o post! Grande beijo!

@Jackie

Oi, amiga!

Adorei a sua menção ao conto de fadas. O problema é realmente esse: desde crianças, somos incentivados a acreditar que homens devem ser príncipes e mulheres princesas. E aí muita gente não acorda desse conto (sonho) e fica buscando a perfeição que existe nele, mas não no mundo real.

Adoro seus comentários, sempre cheios de palavras sábias!

Mil beijos,

Erica

@Samanta

Oi, querdíssimaaaaa também! :-)

Pois é, eu sempre fui uma pessoa loucamente apaixonada, mas aprendi, com o tempo, a diferenciar um sentimento do outro (e aposto que ainda tenho muito para aprender sobre esses dois sentimentos tão profundos!).

Sim, o verdadeiro amor é duradouro (sobrevive a várias tempestades, rsss) - é claro que pode acabar um dia, mas, em geral, dura infinitamente mais do que a paixão!

Obrigada pelo carinho!

Mil beijos

@Menina das Agulhas

Oi, querida Lu!

Concordo plenamente com tudo o que você falou. Sim, o amor é algo maior, que leva tempo e acredito que tenhamos mais certeza dele depois de passarmos por dificuldades e o sentimento continuar ali, mais vivo do que nunca!

E é claro que tem que ter uma boa pitada de paixão, mesmo no mais "seguro" amor. Senão nos acomodamos e aí até mesmo o amor pode acabar!

Adorei o modo como você concluiu o texto!

Beijo enorme,

Erica

@T. Bittar

Olá! Que bom que já estão juntos há 2 anos - espero que fiquem muitos mais! :-)

Grande abraço,

Erica

@Cla

Oi, querida!
Fico feliz que goste dos meus posts...
Só o tempo vai dizer se uma paixão vai ou não virar amor, mas a gente sempre torce pra ele dizer que sim, não é?
Beijos e boa semana!
Erica

Eu acredito, aconteceu comigo e é mais comum na adolecência, nesta fase agimos mais com nossos extintos naturais, temos menos apelos sociais, financeiro,etc. Vou colocar um pequeno trecho de uma carta que escrevi para uma pessoa onde eu faço minha definição diretamente do meu amor a primeira vista por ela. "(Refleti profundamente sobre esta situação que aconteceu comigo, o mais proximo que cheguei de uma razão foi que quando te vi pela primeira vez a muito tempo atraz sentada em uma carteira de escola, vi algo que não pude identificar naquele momento, não entendi o que era ou melhor dizendo senti algo mágico que estava alem de minha compreensão. Hoje tenho certeza que fui privilegiado por Deus pode ver em uma fração de segundo toda sua eterna essencia.)" Essa historia começou a vinte e cinco anos, nunca ficamos juntos mas converçamos de vez enquando e quando estou perto dela a sensação é única em nehum lugar do mundo ou em nenhuma situação sinto o que eu sinto nesse momento, posso estar com problemas ou com preça mas quando encontramos nada disso existe e sempre converçamos pelo menos cinco minutos, o assunto é sempre leve daqueles sem muita importancia mas o que fica mesmo é o sentimento da presença dela que me envolve e me faz ter a certeza que aquele momento é único em minha vida e o pior de tudo é que éla deixa transparecer que se sente bem também. A carta que mandei a éla eu não assinei achei que poderia prejudicar nosso minimo de relacionamento mas tenho certeza que éla sabe mesmo por que os meus olhos sempre me entregam.
Bom tai não só minha definição de amor a primeira vista mas tambem um relato de uma historia real, se é amor ou paixão não me preocupo com esta questão só tenho certeza de uma coisa, o que sinto por éla é saldavel,é carinho, é respeito e nunca será diferente.
De alguns meses para cá descidi me expor a éla ou melhor descidi lutar pelo meu amor a primeira vista.
Temos muitas praias a caminhar, muitos por do sol a comtemplar quando isso acontecer conto a vocês. Obrigado pelo espaço.
Ah, ja ia me esquecendo O AMOR É AZUL!!! Valeu!

À PRIMEIRA VISTA



Não raro, acontece
E, não raro, se ilude
O coração reconhece
Mas, a razão o confunde

Amor à primeira vista é encantamento
E, quando chega, dá claros sinais
Por vezes, só o percebemos após um tempo
Noutras, antecipamos demais

Há que se ter sensibilidade para reconhecer
Estar com a alma iluminada
Agir com espontaneidade, se o perceber
E ser grato, pois, por acaso, não acontece nada

É pura questão de merecimento
Talvez, seja da vida, o mais belo momento
Que pode surgir numa fração de segundos
Num observar mais profundo

Ver o verde do mar
Fluir de certo olhar
E no coração se instalar
Eis o estopim para se amar


Jeronimo Madureira
30/09/2011.
Jeronimo Madureira
Enviado por Jeronimo Madureira em 30/09/2011
Código do texto: T3250014

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para o site http://recantodasletras.uol.com.br/autores/jeromad). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

@Anônimo

Que bela declaração de amor... Depois de tantos anos, não pode mais ser paixão - tem mesmo que ser um grande amor! Espero que vcs consigam realizá-lo!

Abs,

Erica

@Jeronimo Madureira

Belo poema, Jeronimo! Obrigada por compartilhar!

Abs,

Erica

Postar um comentário